Mocidade Alegre é a campeã do carnaval de São Paulo

Com um enredo inspirado no "riso", a Mocidade Alegre, escola de samba do bairro do Limão, é a grande campeã do grupo especial do carnaval de São Paulo de 2007. A agremiação, que obteve 298,5 pontos, bateu as concorrentes Unidos de Vila Maria e Vai-Vai, que ficaram respectivamente com 297,75 e 297,5 pontos. Além das três, as escolas Águia de Ouro (297) e Império de Casa Verde (297) voltarão a se apresentar na próxima sexta-feira durante a o desfile das campeãs - que também terá a participação das vencedoras do grupo de acesso e das escolas de samba esportivas. Este é o sexto título na história da Mocidade, que levantou o troféu pela última vez em 2004. Apesar do empate numérico entre as 4ª e 5ª colocadas, a Águia de Ouro ficou na frente pelo critério de desempate "fantasia". Em uma apuração acirrada, Mocidade, Unidos de Vila Maria e Vai-Vai disputaram ponto a ponto a superioridade em um carnaval marcado pelo equilíbrio entre as escolas e desfiles tecnicamente impecáveis. Nenhuma agremiação perdeu pontos por falhas durante as apresentações. Durante a divulgação das notas, várias agremiações também estiveram próximas do título. A maior polêmica da apuração ficou por conta do jurado Amilton dos Santos, que não deu nota à Acadêmicos do Tucuruvi pelo quesito "letra de samba". Não está claro o motivo da decisão de Amilton, mas a escola não foi prejudicada, pois, segundo o regulamento da apuração, a agremiação deve receber a nota máxima contabilizada no quesito - que foi 10. As rebaixadas deste ano foram a Império do Ipiranga - que em 2006 subiu para o grupo especial - e a Unidos do Peruche. No ano passado, a campeã do carnaval foi a Império de Casa Verde, seguida de Vai-Vai, Mocidade Alegre, Unidos de Vila Maria e Rosas de Ouro. Mocidade Alegre Última escola a se apresentar na noite de domingo, a Mocidade Alegre levou para o Anhembi o riso como tema, com o enredo "Posso Ser Inocente, Debochado e Irreverente... Afinal, Sou o Riso Dessa Gente". A escola conseguiu retratar o assunto com sucesso, trazendo cores vibrantes e alegorias que chamaram a atenção do público. O destaque foi a comissão de frente, formada por palhaços, que apresentava diversas coreografias. O samba-enredo, de letra fácil, ajudou o público, que acompanhou a melodia, especialmente no trecho "batam palmas... no circo o show vai começar". A escola, que faz 40 anos em setembro, também aproveitou o desfile para iniciar as comemorações. O último carro alegórico, com o nome "Sorria, é carnaval", trazia fotos em preto e branco mostrando diversos momentos da história da escola. A rainha da bateria, Nani Moreira, estava muito animada, e foi muito aplaudida pelos integrantes da escola. Desfile das campeãs O desfile das campeãs ocorrerá na noite da próxima sexta-feira, 23, com a participação das cinco primeiras escolas do grupo especial e das vencedoras do grupo de acesso e das escolas de samba esportivas. Os ingressos já estão a venda no Sambódromo.

Agencia Estado,

20 Fevereiro 2007 | 11h11

Mais conteúdo sobre:
carnaval carnaval 2007

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.