Morador tem 72 h para deixar área de represa

A Subprefeitura Capela do Socorro e o Departamento de Uso do Solo Metropolitano intimaram ontem os moradores de 102 casas erguidas em área de proteção ambiental nas margens da Represa Billings, no bairro Jardim das Gaivotas, no Grajaú, zona sul de São Paulo. Os moradores têm 72 horas para desocupar o local, sob pena de indiciamento na lei de crimes ambientais. O loteamento clandestino teve início há menos de um ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.