Moradores protestam contra retirada de famílias de terrenos em PE

Grupo bloqueou hoje cedo a rodovia PE-60 no município Cabo de Santo Agostinho

Priscila Trindade, do estadão.com.br,

02 Fevereiro 2012 | 15h11

SÃO PAULO - Um protesto fechou a PE-60, no município Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife, na manhã desta quinta-feira, 2. Moradores locais colocaram fogo em pneus e bloquearam a via por aproximadamente uma hora, no sentido interior.

Segundo a Polícia Militar, integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) protestaram contra a retirada de famílias de terrenos perto do Complexo de Suape. Os motorista enfrentaram cerca de dois quilômetros de lentidão no período da manhã. Além da PM, o Corpo de Bombeiros esteve no local para controlar a situação.

Depois de liberar a via, o grupo se reuniu em um sítio na PE-28. Mais tarde, eles deve, seguir para o centro de Suape. Os manifestantes querem negociar com representantes do governo.

Mais conteúdo sobre:
protestomanifestaçãoRecifeMST

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.