Reprodução Google Street View
Reprodução Google Street View

AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Moro autoriza emprego da Força Nacional em Rondônia por 15 dias

Decisão ocorre após a transferência de detentos do presídio de Presidente Venceslau (SP) para unidades federais 

Sandra Manfrini, O Estado de S.Paulo

19 de fevereiro de 2019 | 13h54

BRASÍLIA - O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, autorizou nesta terça-feira, 19,  o emprego da Força Nacional em apoio ao Estado de Rondônia

Em portaria publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira, Moro autoriza o emprego da Força "nas atividades e nos serviços imprescindíveis à preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio, em apoio aos órgãos de segurança pública do Estado de Rondônia, em caráter episódico e planejado, pelo período de quinze dias". Esse prazo poderá ser prorrogado, se necessário.

A decisão ocorre após a transferência de detentos do presídio de Presidente Venceslau (SP) para unidades federais de Mossoró (RN), Porto Velho (RO) e Brasília de integrantes da cúpula do Primeiro Comando da Capital (PCC), incluindo o líder do grupo, Marcos Willians Herbas Camacho, o Marcola. Na ocasião, o governo já havia autorizado o uso das Forças Armadas em Mossoró (RN) e Porto Velho (RO) para garantir a segurança dos presídios.

Segundo a Portaria publicada hoje, o contingente a ser disponibilizado obedecerá ao planejamento definido pela Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.