Morre a quinta vítima de dengue hemorrágica em MS

Bruno Araújo da Silva, de 17 anos, pode ser a quinta vítima fatal da dengue hemorrágica em Mato Grosso do Sul. Ele morreu no final da manhã de quinta-feira, 1º, na cidade de Amambaí, extremo sul do Estado, na divisa com o Paraguai, com todos os sintomas da doença. Das 29 notificações registradas em Amambaí, seis são casos positivos.A mulher de Silva, Cristiane Correia Albuquerque, de 25 anos, explicou que o marido foi internado no Hospital de Amambaí na terça-feira, 27, com febre alta e dores por todo o corpo. Permaneceu em observação até o dia seguinte, quando recebeu alta e voltou para casa. Por volta de 2 horas da madrugada de quinta, voltar a sentir fortes sintomas da dengue, e depois de completadas dez horas de uma nova internação, morreu."Não podemos apontar o que levou o rapaz à morte. Somente um exame laboratorial poderá esclarecer as causas reais, mas não está descartada a hipótese de Dengue Hemorrágica", disse o diretor Meire Dutra Flores. Um dos sintomas mais evidente da doença, foi a hemorragia na boca. Bruno, residia há dois meses em Amambaí, onde foi estudar e trabalhava em uma lanchonete da cidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.