Morre criança sob suspeita de maus tratos em Sorocaba

Uma menina de 1 ano e 10 meses morreu nesta terça-feira, 6, no Hospital Regional de Sorocaba, no interior de São Paulo, sob suspeita de espancamento. Ela estava internada desde o dia 24 de fevereiro na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital, depois de ter passado pelo pronto-socorro de Araçariguama, cidade onde morava. De acordo com a Polícia Civil, há indícios de que a menina tenha sofrido maus tratos severos. A mãe, uma faxineira de 20 anos, que não teve o nome divulgado, alegou que a filha havia caído do berço. Os médicos, no entanto, constataram que, além de uma grave lesão no cérebro, a criança tinha hematomas por todo o corpo. Eles suspeitaram de espancamento e avisaram o Conselho Tutelar.No hospital de Sorocaba, a menina passou por uma cirurgia, mas como apresentava inchaço no cérebro, a lesão não reverteu. O delegado Mário Luiz de Oliveira Ayres, que abriu inquérito para apurar eventuais agressões sofridas pelo bebê, já tomou o depoimento da mãe e ouviu os vizinhos. Nesta terça, peritos do Instituto de Criminalística de São Roque fizeram uma vistoria no berço e na residência da mulher. O laudo será concluído em 15 dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.