Morre menina que ficou presa em elevador em SP

A menina Vitória Eveline Vilaça, de seis anos, que ficou presa na manhã desta quarta-feira entre a porta e o vão de um elevador para deficientes físicos na Academia Fórmula do Shopping Eldorado, na zona sul da cidade, morreu por volta das 16 horas no Hospital das Clínicas.Vitória estava com professores e alunos da escola Morumbi realizando uma aula extra-curricular de natação na academia Fórmula nesta manhã. Após a aula, Vitória acabou se distanciando do grupo e entrou num elevador destinado a deficientes físicos. Ela acionou o botão para subir, mas acabou ficando presa no vão do elevador entre dois andares.Médicos da Academia Fórmula prestaram os primeiros socorros e em seguida Vitória foi levada de helicóptero para Pronto-Socorro do Hospital das Clínicas. Ela chegou aopronto-socorro por volta das 11h40 apresentando traumatismos na região abdominal e torácica. A menina foi submetida a cirurgia, sofreu duas paradas cardíacas e não resistiu.Vitória era neta presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), Marcos Vilhaça. Segundo informações, Vilhaça está a caminho de Brasília para São Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.