Morre operador atingido em explosão de caldeira

Morreu esta madrugada o operador Antonio Fernando Bacelar Pinheiro, de 34 anos, vítima da explosão, na última terça-feira, de uma caldeira de óleo da fábrica da Union Carbide situada no município de Candeias, região metropolitana de Salvador. Pinheiro passou cinco dias internado. No acidente, ele teve 95% do corpo queimado e suas chances de sobrevivência eram mínimas.A empresa abriu sindicância para apurar as causas do acidente e a investigação está sendo acompanhada pelo Sindicato dos Trabalhadores do Ramo Químico e Petroleiro da Bahia, que apresentou denuncia a Delegacia Regional do Trabalho e pedido de apuração ao Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.