Morre viúva do autor de "Aquarela Brasileira"

A escola de samba Império Serrano, que este ano desfilou pela segunda vez ao som do clássico samba-enredo Aquarela Brasileira, de Silas de Oliveira, chorou, ontem, a morte da viúva do compositor. Elane dos Santos Assumpção tinha 79 anos. O velório foi realizado na quadra da escola em Madureira. Um dos grandes nomes do samba carioca, o compositor nasceu em 12 de outubro de 1916, em Madureira. Integrou a Império Serrano desde seu primeiro desfile, em 1948, ano em que a nova escola foi campeã. Ele morreu em 1972.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.