Arquivo pessoal/Divulgação
Arquivo pessoal/Divulgação

Morte de brasileiro na Suíça é confirmada após exames de DNA

Matheus Henrique Marioto, de 23 anos, estava desaparecido desde o dia 2, depois de pular em um lago em Zurique

O Estado de S. Paulo

11 Agosto 2014 | 19h48

SÃO PAULO - A morte do estudante brasileiro Matheus Henrique Marioto, de 23 anos, desaparecido na Suíça, foi confirmada nesta segunda-feira, 11, pelo Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista (Ibilce). Marioto foi vítima de afogamento em um lago de Zurique e o corpo vinha sendo procurado desde o último dia 2. Na sexta, ele foi encontrado e reconhecido após exames de DNA realizados nesta segunda-feira. O Ibilce decretou luto oficial de três dias a partir desta terça.

O estudante estava na cidade para participar da festa de música eletrônica Street Parade e, segundo a polícia suíça desapareceu após pular da ponte Quaibrücke no lago, por volta das 18h, para se refrescar. Matheus concluiu a graduação em Ciência da Computação Matemática no Ibilce em 2011 e, desde 2013, era aluno do programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação, no qual trabalhava em projeto de mestrado na linha de Engenharia de Software e Banco de Dados.

Mais conteúdo sobre:
SuíçaZurique

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.