Motociclista morre atropelado após briga

Motorista alega que atingiu o rapaz quando tentava deixar o local

Daniela do Canto, O Estadao de S.Paulo

13 de novembro de 2008 | 00h00

O motociclista Caio Vinicius Gervásio dos Santos, de 28 anos, morreu atropelado, anteontem à tarde, após uma briga de trânsito na Avenida Francisco Morato, zona oeste de São Paulo. Horas depois, a tragédia familiar quase foi ampliada, na mesma avenida: ao saber da morte do irmão, Igor Gervásio, de 25 anos, capotou seu Fiat Palio quando ia ao encontro dos pais no 34º Distrito Policial (Vila Sônia).O acusado do atropelamento é o motorista particular José Carlos dos Anjos, de 40 anos. A discussão começou, segundo ele, porque a Honda Titan de Santos bateu no retrovisor do seu Toyota Fielder. Quando houve a colisão com o Toyota, ele abriu a janela e xingou Santos - conforme depoimento dado à polícia. Após discussão, o motociclista teria chutado o carro do motorista, se desequilibrado e caído.Com medo de sofrer represálias de outros motociclistas que se aproximavam, o motorista diz que optou por arrancar com o automóvel, sem ver o que se passava. À polícia, ele admitiu que pode ter atropelado o rapaz, mas disse acreditar que Santos foi morto por um ônibus. Segundo a São Paulo Transportes (SPTrans), no entanto, não houve nenhum registro de acidente com qualquer coletivo na área.Santos morreu na hora. Motociclistas passaram a perseguir Anjos e avisaram a polícia. Ele foi encontrado no Colégio Miguel de Cervantes, no Morumbi, zona sul de São Paulo. Policiais encaminharam Anjos ao 34 º DP, onde o caso foi registrado como homicídio culposo (sem intenção de matar), com omissão de socorro. Após pagar fiança de R$ 1.216, o motorista foi liberado.CAPOTAMENTOIgor Gervásio capotou o veículo quando recebeu a notícia da morte do irmão. "Estava em estado de desespero", desabafou. Santos estava desempregado havia dois meses. Solteiro e sem filhos, morava com os pais e o único irmão em Taboão da Serra, na Grande São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.