Motorista enfrenta lentidão na descida ao litoral

Mau tempo e excesso de veículos complicam trânsito; há previsão de chuva no fim de semana

Mônica Cardoso, O Estadao de S.Paulo

26 de dezembro de 2008 | 00h00

O motorista enfrentou trânsito lento na descida para o litoral paulista por causa do excesso de veículos e tempo chuvoso no Sistema Anchieta-Imigrantes. A Ecovias calcula que 65 mil veículos desceram para o litoral sul na tarde de ontem. O pior horário dos congestionamentos foi por volta das 16 horas. Para acelerar o fluxo de veículos para a Baixada Santista, logo pela manhã, o sistema já operava no esquema 7X3 (sete pistas em direção ao litoral e três no sentido capital). A chuva complicou o tráfego nas Rodovias Tamoios e Mogi-Bertioga. A chegada ao litoral norte exigiu paciência. Excesso de veículos, segundo o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), também prejudicou o tráfego. De acordo com boletim da Secretaria Estadual de Transportes, divulgado às 21 horas de ontem, os motoristas levaram em média três horas nos 82 quilômetros da Tamoios, entre São José dos Campos e Caraguatatuba.O tráfego também foi intenso para quem seguiu à noite pelo trecho paulista da Rodovia Rio-Santos. O trecho entre Ubatuba e São Sebastião, de 78 quilômetros, foi feito em média em duas horas, segundo o DER. Em direção ao interior, as Rodovias Raposo Tavares e Castello Branco, de acordo com a concessionária ViaOeste, tiveram trânsito tranqüilo. O tempo ruim deve acompanhar os viajantes nas praias. Uma frente fria sobre o Rio deixa o tempo chuvoso no litoral paulista, segundo a Climatempo. Hoje, deve chover o dia inteiro no litoral norte. No litoral sul, o sol aparece entre nuvens pela manhã, mas há previsão de chuva à tarde. O tempo deve se repetir amanhã. A temperatura vai variar entre 19°C e 26°C. Na capital, há previsão de sol com nuvens de manhã e chuva à tarde.MORTESNo Dia de Natal, a Polícia Rodoviária Estadual contabilizou 401 acidentes nas rodovias paulistas. Nas primeiras 24 horas da Operação Natal, que começou quinta e se encerra amanhã, esse número já corresponde a 34% dos acidentes registrados na operação do ano passado - entre os dias 21 e 25. O número de mortos é de 18, que equivale a 41% das 44 mortes registradas durante toda a operação de 2007. Nas rodovias federais, os números consolidados serão divulgados na segunda-feira. A Rodovia Fernão Dias registra quatro vítimas fatais. Três jovens morreram na noite de anteontem após um capotamento, na altura do km 29 da pista sentido Minas, em Atibaia. As vítimas - Robson dos Santos, de 23 anos, Jhone Pinheiro, de 20, e Eduardo Schubert, de 17, iam a uma festa em Bragança Paulista. Minas lidera o número de vítimas fatais. Foram 35 pessoas até agora, ante 26 em 2007. Também na noite de quinta-feira, 15 pessoas ficaram feridas, sendo 6 em estado grave, em dois acidentes na SP-332. Uma colisão foi perto da cidade de Artur Nogueira, região de Campinas. A outra aconteceu entre Franco da Rocha e Francisco Morato.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.