Motorista enfrenta lentidão na volta a São Paulo

Até as 22 horas, dos 172 mil veículos que atravessaram o sistema rumo ao litoral, quase 150 mil haviam retornado

Elvis Pereira, do estadao.com.br,

16 de novembro de 2008 | 23h24

O retorno à capital paulista permanecia complicado às 22h45 deste domingo, 16. Na Rodovia Castelo Branco, o congestionamento alcançava 22 km, entre Araçariguama e Itapevi, por conta do excesso de veículos. A Presidente Dutra estava congestionada do km 229 ao 230, na chegada a São Paulo. Às 21h41, dois veículos colidiram no km 230 e um deles capotou, causando a interdição de uma das duas faixas da pista expressa. A NovaDutra não soube informar se houve feridos.  A Anchieta apresentava morosidade entre os km 42 e 40 e a Imigrantes do km 49 ao 40, na pista sul, e entre os km 32 e 27, na norte. Segundo a Ecovias, além do movimento intenso, diversas quedas de motos ao longo da noite afetaram o fluxo nas duas estradas. Até as 22 horas, dos 172 mil veículos que atravessaram o sistema rumo ao litoral, quase 150 mil haviam retornado, sendo 7.739 deles na última hora.  Na Cônego Domênico Rangoni, havia morosidade entre os km 250 e 260, na saída do Guarujá. A Padre Manuel da Nóbrega tinha lentidão do km 292 ao 290, na região da Praia Grande. Segundo a Polícia Militar Rodoviária, a circulação ruim estendia-se às rodovias Mogi-Bertioga, Oswaldo Cruz e Tamoios. A corporação acredita que a situação deve melhorar somente após a meia-noite.  As vias Anhangüera, Ayrton Senna, Bandeirantes, Fernão Dias, Raposo Tavares e Regis Bittencourt registravam movimento normal, sem a ocorrência de acidentes graves.

Mais conteúdo sobre:
trânsitoSão Pauloestradas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.