AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Motorista enfrenta tráfego intenso nas rodovias paulistas

O motorista que segue para o litoral paulista enfrenta congestionamento entre os quilômetros 45 ao 53 da Rodovia dos Imigrantes por causa do excesso de veículos. A Rodovia Cônego Romênico Rangoni tem lentidão entre os quilômetros 270 e 268, sentido Cubatão, devido ao estreitamento de faixa. O sistema Anchieta-Imigrantes opera no esquema 7X3 onde os veículos com destino à Baixada Santista descem pelas duas pistas da Rodovia Anchieta e pela pista Sul da Rodovia dos Imigrantes. A subida será feita pela pista Norte da Rodovia dos Imigrantes. Na última hora, desceram em direção ao litoral 8.608. Desde às 0 horas de Sexta-feira, 146 mil veículos passaram pelo sistema Anchieta-Imigrantes em direção à Baixada Santista.A Rodovia dos Bandeirantes tem tráfego intenso no sentido capital-interior. Um acidente envolvendo um caminhão e um carro, ocorrido na altura do quilômetro 15 da pista sentido capital-interior, interdita duas faixas. De acordo com a concessionária Autoban, que administra as rodovias Anhangüera e Bandeirantes, há pessoas presas nas ferragens. O congestionamento já atinge a Marginal do Tietê. A melhor opção para quem pretende seguir para o interior de São Paulo é a Rodovia Anhangüera que apresenta boas condições de tráfego.Pela Rodovia Castelo Branco, o trânsito está lento na pista sentido interior, do quilômetro 17 ao 24, na região de Osasco. A Raposo Tavares também tem lentidão no sentido interior, do quilômetro 41 ao 45.De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, a Rodovia Régis Bittencourt, sentido interior, tem trânsito lento do quilômetro 318 ao 319 e também entre o 325 ao 335, na região de Juquitiba, na Grande São Paulo, por causa o excesso de veículos e do estreitamento de pista. A Rodovia Fernão Dias também tem tráfego intenso, mas sem pontos de parada.

Agencia Estado,

09 de outubro de 2004 | 13h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.