Motorista foge de acidente e abandona corpo de filha

Polícia Militar de Goiás está em busca de homem, que seria o pai da criança e abandonou o local sem falar com as autoridades

Marília Assunção, Especial para o Estado

12 Janeiro 2015 | 11h41

GOIÂNIA - Uma menina de aproximadamente dois anos de idade foi arremessada para fora de um veículo em um acidente de trânsito e morreu em Goianira, na Região Metropolitana de Goiânia, na madrugada deste domingo, 11. A Polícia Militar está em busca do motorista, que seria o pai da criança e abandonou o local sem prestar socorro à vítima. 

A menina foi identificada como Adriela, e seria filha de Adriano Souza Soares e Ângela Cristina Souza, 29. Os dois estavam no carro, assim como uma adolescente de 14 anos, que estaria transportando a menina no colo.

As duas menores foram arremessadas para fora do veículo e Adriela morreu no local. A adolescente e Ângela também sofreram ferimentos e foram levadas para hospitais da região. A garota sofreu ferimentos leves e foi liberada. A mulher foi atendida no Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo) em estado regular, foi medicada e também teve alta na tarde de domingo.

 A família estava em um VW Gol, de Aparecida de Goiânia, que teria sido atingido lateralmente por outro carro, um Chevrolet Monza, quando o Gol contornava um trevo a caminho de Goianira. Segundo o subtenente Wilson Chaves, no Batalhão Rodoviário de Goianira, o outro motorista também fugiu do local do acidente e ainda não foi identificado. Ele disse que a ocorrência seria finalizada e encaminhada para investigações pela Delegacia de Polícia da cidade, onde estava sendo enterrado o corpo da criança na manhã desta segunda.

Mais conteúdo sobre:
acidente Goiânia

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.