Motorista sem habilitação atropela 11 em procissão

Onze pessoas ficaram feridas na noite de ontem no Bairro Umbará, em Curitiba, ao serem atropeladas quando participavam de uma procissão em homenagem a Nossa Senhora de Fátima. O motorista do Chevette, placas ABN 7371, Getúlio Franco, 50 anos, fugiu temendo linchamento, mas depois apresentou-se à polícia. Ele não tem habilitação e responderá em liberdade por lesões corporais, com a agravante de não ter carteira.Os feridos foram levados para três hospitais de Curitiba. Seis deles passaram por pequenas cirurgias e hoje já estavam em recuperação. O delegado de Delitos de Trânsito Antonio Procopiak Neto disse que aguarda que uma das vítimas faça representação para instaurar o inquérito. Enquanto isso, ele pediu uma perícia no carro, que apresenta mau estado de conservação.Franco disse à polícia que não se recorda bem do que teria acontecido. Ele estava acompanhado da mulher e de outra pessoa, mas nenhum dos passageiros ficou ferido. Algumas pessoas que estavam na procissão disseram que o carro estava com as luzes apagadas. O acidente somente não foi maior porque o Chevette bateu em um muro e parou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.