Motoristas de ônibus optam pela greve em São Paulo

Os motoristas e cobradores de ônibus de São Paulo decidiram hoje, durante assembléia, que entrarão em greve geral a partir da zero hora de segunda-feira, por tempo indeterminado. As tentativas de acordo em torno dos reajustes de salário, no Tribunal Superior do Trabalho (TST), em Brasília, acabaram fracassando e a categoria optou pela greve.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.