Motoristas e cobradores tumultuam visita de Marta

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT), enfrentou tumulto durante visita à Cidade Tiradentes, na zona Leste da capital. Ela foi cercada por motoristas e cobradores de ônibus desempregados e por familiares deles que protestaram por conta de a prefeitura ter descredenciado nove empresas do sistema de transporte público de São Paulo. A prefeitura, no entanto, fez acordo com o sindicato para reabsorver os cerca de 10 mil demitidos. Durante visita à nova sede da subprefeitura de Cidade Tiradentes, o carro da prefeita foi cercado pelos manifestantes e, apesar do reforço da segurança dela e do patrulhamento da Guarda Civil Metropolitana (GCM), Marta não escapou de ser atingida por bolinhas de papel e outros objetos, como cadernos, que foram jogados na direção dela.A prefeita continua em Cidade Tiradentes, onde deve visitar ainda hoje o terminal de ônibus do local e o Telecentro. Os manifestantes prometeram voltar a promover protestos contra ela. Apesar do tumulto, Marta não cancelou sua agenda na região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.