Motoristas enfrentam lentidão na volta do feriado

O movimento nas estradas estaduais e federais que cortam o Estado de São Paulo começou a ficar intenso neste último dia do feriado de finados. A rodovia Fernão Dias, que liga São Paulo à capital mineira, é a que tem o trânsito mais complicado. Na região de Mairiporã, o fluxo de carros está muito lento, com diversos pontos de parada e a velocidade média atingida pelo motorista é de 20 a 30 quilômetros por hora.O excesso de veículos também complica o trânsito nas rodovias que ligam a capital ao litoral paulista e ao interior. No sistema Anchieta-Imigrantes, a média de velocidade é de 40 quilômetros por hora. Segundo a concessionária Ecovias, o trânsito melhora na chegada ao planalto, mas há garoa em todo o sistema. A Rio-Santos e a Piaçaguera-Guarujá têm diversos pontos de congestionamento também nos trechos de na serra. As rodovias dos Tamoios e a Mogi-Bertioga registram lentidão. Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, a velocidade média nestas estradas é de 40 a 50 quilômetros por hora, nos trechos de serra.O sistema Anhangüera-Bandeirantes, bem como as rodovias Régis Bittencourt e Presidente Dutra, têm movimento pouco acima do normal, mas o trânsito flui bem. A expectativa é de que o movimento aumente no fim da tarde. O único acidente grave registrado nas estradas de São Paulo esta tarde, até o momento, aconteceu na rodovia Anhangüera, onde uma pessoa morreu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.