Motoristas liberam terminal na zona leste de SP

O Terminal São Mateus, na zona leste de São Paulo, que estava fechado por causa de um protesto de motoristas e cobradores de ônibus, já foi reaberto e funciona normalmente, segundo a SPTrans. A categoria bloqueou o terminal durante toda a manhã por causa da morte do motorista Adair dos Reis Magalhães, assassinado quando dirigia um coletivo da Viação São Judas, esta madrugada, na zona leste da capital. Os motoristas e cobradores desta empresa decidiram, no entanto, seguir com a paralisação.Segundo a SPTrans, o crime não teria sido em função de um assalto, mas por causa de uma discussão entre o motorista e um passageiro, que teria se recusado a pagar a passagem. De acordo com o Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus, 50% dos assaltos que acontecem nos coletivos que circulam na capital são registrados na zona leste da cidade. A SPTrans acionou o plano de emergência e está deslocando coletivos de outras empresas para suprir a ausência dos carros da São Judas.

Agencia Estado,

28 de agosto de 2002 | 12h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.