Motoristas poderão ajudar a localizar desaparecidos

A concessionária Ecovias, que administra as rodovias Anchieta e Imigrantes, inicia na véspera do Dia das Mães, dia 08 de maio, o Programa Rota da Esperança, uma campanha para localizar crianças e pessoas desaparecidas. De acordo com a Ecovias, serão impressas fotos e dados dos desaparecidos no verso do cupom do pedágio, na tentativa de que os motoristas forneçam pistas sobre seu paradeiro. Em média, 18 mil pessoas desaparecem todos os anos no Estado de São Paulo, de acordo com dados da Delegacia dePessoas Desaparecidas de São Paulo. A campanha foi desenvolvida em parceria com entidade Mães da Sé ? Associação Brasileira de Busca e Defesa à Criança Desaparecida, que reúne atualmente mais de 5 mil mães cadastradas em todo o Brasil. O lançamento do Programa Rota da Esperança contará com a presença de cerca de 40 mães e parentes de crianças epessoas desaparecidas. Segundo a Ecovias, os cupons com as fotografias dos procurados serão entregues em todas as cabines de pedágio das rodovias dos Imigrantes, Anchieta, Padre Manoel da Nóbrega (ex-Pedro Taques) e Cônego Domenico Rangoni (ex-Piaçaguera-Guarujá), a partir de sábado. "Vamos utilizar os cerca de 80 mil motoristas que circulam diariamente pelo Sistema Anchieta-Imigrantes para ajudar essas mães a reencontrarem seus filhos desaparecidos", explicou Irineu Meireles, Vice-Presidente Executivo da EcoRodovias, empresa controladora da Ecovias. O lançamento do programa será realizado neste sábado, 08 de maio, às 09h30, na Praça de Pedágio Piratininga, localizada no quilômetro 32 da Rodovia dos Imigrantes, sentido capital-litoral.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.