Motoristas tem prazo para evitar suspensão da habilitação

Cerca de 30 mil motoristas da capital têm até 30 de novembro para apresentar defesa ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran) a fim de evitar a suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).O prazo, garantido por decisão judicial, serve para os condutores que foram notificados pelo órgão por atingir 20 pontos na CNH, em razão de infrações no trânsito no período de 1999 a dezembro de 2000. No total, 126 mil motoristas foram notificados, 70 mil deles só na capital.O diretor de Habilitação do Detran, Antônio Carlos Bueno Torres, disse que os motoristas podem se defender em uma das 326 Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretrans) espalhadas pelo Estado. Segundo ele, problemas com a documentação do veículo, como erro no cadastro ou troca de proprietário, podem ser apresentados em defesa dos motoristas. Porém, as reclamações a respeito de emissão de multas não competem ao Detran, mas às autoridades municipais.Os motoristas notificados que não procurarem o Detran no prazo receberão restrição administrativa no prontuário da carteira, ou seja, ficarão impedidos de tirar segunda via ou renovar a CNH. A suspensão pode durar de 1 a 12 meses.Torres informou ainda que em 30 dias serão emitidas novas notificações de suspensão de carteiras relativas ao período 2000-2001. Ainda não há previsão de quantos motoristas serão notificados no próximo lote.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.