MP denuncia quatro traficantes que derrubaram helicóptero da PM no Rio

Grupo invadiu, em outubro de 2009, comunidade do Morro dos Macacos para tomar pontos de venda de drogas; três policiais foram mortos na ocasião

Priscila Trindade, estadão.com.br

08 de setembro de 2010 | 18h15

SÃO PAULO - O Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) ofereceu denúncia nesta quarta-feira, 8, contra quatro traficantes envolvidos na tentativa de invasão do Morro dos Macacos, em Vila Isabel, que resultou na derrubada de um helicóptero, em outubro de 2009. No episódio, três policiais morreram.

 

Fabiano Atanásio da Silva (vulgo "FB"), Leandro Domingos Berçot ("Lacoste"), Luiz Carlos Santino da Rocha ("Playboy") e Magno Fernando Soeiro Tatagiba de Souza ("Magno da Mangueira") foram denunciados por triplo homicídio qualificado, seis tentativas de homicídio qualificado e associação armada para o tráfico de drogas. Um quinto suspeito, Michel Carmo de Carvalho, morreu antes do fim das investigações. O MP pediu a prisão preventiva dos quatro acusados e a continuidade das investigações da 25ª Delegacia de Policia, em Engenho Novo, sobre a possível participação de outros 22 suspeitos no caso.

 

Liderados por "FB", o grupo de traficantes invadiu, na madrugada do dia 17 de outubro de 2009, a comunidade do Morro dos Macacos através de acessos existentes no Complexo do Morro do São João. O bando queria tomar os pontos de venda de drogas dominados por uma facção criminosa rival. Houve troca de tiros, e a Polícia Militar foi acionada para acabar com o confronto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.