MP quer fechar 263 escolas infantis em São Paulo

Duzentas e sessenta e três escolas infantis particulares de São Paulo correm o riscode fechamento por estarem em situação irregular. Listagem com os nomes dos infratores foi enviada ao Ministério Público pela Secretaria da Educação, com a informação de que nenhuma delas está autorizada a funcionar pelo Conselho Municipal de Educação, conforme manda a lei.Nesta quarta-feira, a Promotoria da Infância e Juventude oficiou as 263 escolas, para que corrijam as irregularidades em 30 dias, sob pena de sofrerem processos judiciais e administrativos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.