MST desocupa fazenda de Jader

A fazenda Chão de Estrelas, do presidente do Senado, Jader Barbalho, foi desocupada no final da tarde de hoje por cerca de 900 trabalhadores rurais sem terra ligados ao MST, que invadiram a área no dia 1o passado. Para deixar o local, as famílias receberam 722 cestas e 500 metros de lona do governo do Pará.A direção do Incra em Belém negou-se a fornecer as cestas, alegando existir uma determinação de Brasília impedindo o órgão de fazer doações de alimentos a invasores de terra. O MST levou as famílias para o Assentamento Candiru, vizinho às três fazendas de Jader no município de Aurora do Pará. A área foi oferecida pelo Incra. "Se dentro de 15 dias o Incra não encontrar um local para assentar as famílias nós ocuparemos novamente a fazenda do senador", prometeu o líder do MST, Raimundo Nonato Coelho de Souza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.