MST fecha três estradas para marcar um ano da morte de sem-terra

RIO GRANDE DO SUL

, O Estado de S.Paulo

21 de agosto de 2010 | 00h00

Manifestantes ligados ao Movimento dos Sem-Terra (MST) bloquearam três rodovias do Rio Grande do Sul e fizeram um protesto diante da sede do Incra, em Porto Alegre, ontem, para lembrar um ano da morte do acampado Eltom Brum da Silva. Segundo comunicado do movimento, houve interrupções do tráfego na ERS-569, em Palmeira das Missões, na BR-158, em Júlio de Castilhos, e na BR-290, em São Gabriel. O sem-terra Eltom Brum da Silva foi atingido nas costas por um tiro disparado pelo soldado Alexandre Curto dos Santos, da Brigada Militar, durante operação de reintegração de posse da Fazenda Southall, em São Gabriel, em 21 de agosto do ano passado. O policial, que responde a processo por homicídio qualificado, alega que não sabia que a espingarda calibre 12 que portava estava carregada com munição letal. O julgamento ainda não está marcado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.