Mulatas borralheiras

Cinderelas existem por toda parte, em qualquer época, mas nunca aos montes e na mesma festa como nos desfiles das escolas de samba. À sombra de um punhado de musas e rainhas, mulatas anônimas às pencas desfilam no sambódromo fantasias de fazer inveja a qualquer gata borralheira na saída do baile. Sem lipo, botox, silicone ou personal trainer evidentes, nenhuma delas está na pista a caminho das bancas de revista. Dispensada pelas câmeras de TV, flerta com a multidão das galerias, brinca com o desejo, insinua o prazer, mas não procura ninguém. A rigor, se acha. Se basta! Vive o clímax de um show particular, a apoteose dos quadris que lá adiante, na dispersão, voltarão a ser abóbora, sonho de caixa de supermercado, trocadora de ônibus, limpadora de chaminé ou vendedora da Avon. Aí, então, como diria Chico Buarque, "quem não a conhece não pode mais ver pra crer, quem jamais a esquece não pode reconhecer". IRRESPONSABILIDADE Quem foi o maluco que convidou Susana Vieira, Jean-Claude Van Damme e Sylvester Stallone para o mesmo camarote de cervejaria no sambódromo carioca? Parece que bebe, né não?! BOLETIM DO TRÂNSITO "Tá chegando?!" Não se fala em outra coisa na lentidão das estradas brasileiras neste sábado de carnaval Gente que faz O jornalista Marcos Uchôa, correspondente da Globo no mundo do samba, é um raro prazer na cobertura do carnaval na TV. Preste atenção nas reportagens dele! Estranha no ninho Da ministra Dilma Rousseff, ao avistar o primeiro boneco de Olinda na abertura do carnaval de Pernambuco: "Que diabos o Gilberto Kassab está fazendo aqui?!" Inveja da inclusão digital Foi só o governo do Rio anunciar para logo depois do carnaval a inauguração do serviço que transforma o Morro Dona Marta na primeira favela Wi-Fi do continente e pronto: tem gente na Rocinha dizendo que "isso é coisa de boiola". Meio desligado Marta Suplicy se queixou de Eduardo Suplicy a amigas: o senador estaria dando menos atenção à ex-mulher do que ao ex-ativista italiano Cesare Battisti, a quem visitou várias vezes na prisão. Vício incontrolável Fátima Bernardes já não esconde o problema de ninguém: William Bonner só pensa naquilo. Está escrevendo um livro sobre o Jornal Nacional. Pode? Não sobra tempo nem para um cineminha, caramba! Samba no olho da rua Se o bloco dos desempregados resolver sair às ruas em todo o País, o carnaval de Olinda e Salvador ganharia concorrente à altura em matéria de multidão. Eu, hein! O SBT vai gravar um especial de 80 anos de Hebe Camargo na Disney.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.