Mulher acusada de matar marido se entrega no Rio

A mulher que esfaqueou o marido, o empresário Renato Biasotto, após comemoração do Dia dos Namorados, apresentou-se ontem à Justiça, 20 dias depois do crime. Alessandra Ramalho D?Ávilla Nunes entregou o passaporte brasileiro e o americano à juíza Roberta Barrouin Carvalho de Souza, no 3.º Tribunal do Júri. Ela vai responder ao processo em liberdade. A juíza revogou o mandado de prisão por causa do "comparecimento espontâneo". De acordo com o advogado Mário Oliveira Filho, ela esfaqueou o marido em legítima defesa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.