Mulher é esfaqueada por marido e filhos testemunham tudo na zona sul de SP

Crime pode ter sido motivado por ciúmes

Bruno Lupion e Ricardo Valota, do estadão.com.br,

08 de dezembro de 2010 | 01h57

SÃO PAULO - O carroceiro João Rodrigues, de 45 anos, foi preso, por volta das 22h30 de terça-feira, 7, após tentar matar a facadas a própria esposa, a dona de casa Priscila Cristina da Silva Belo, de 24 anos, dentro da residência do casal, na Estrada da Cumbica, 30-A, no Jardim Aracati, região do Jardim Ângela, na zona sul de São Paulo.

O crime foi presenciado pelas duas crianças do casal, de 2 e 3 anos de idade. Após atingir Cristina na cabeça e em uma das axilas, Rodrigues foi para o bar próximo da residência, onde acabou preso por guardas civis metropolitanos quando bebia cerveja. A vítima foi encaminhada pelos GCMs ao hospital do M'Boi Mirim, onde continua internada, em estado grave, porém com quadro estável.

Segundo o que foi apurado até o momento, ao chegar em casa, o acusado teria visto Priscila às pressas deixando a casa do vizinho. Descontrolado pelo ciúme, Rodrigues começou a discutir com a esposa, armou-se com uma faca e atacou a jovem. O caso está sendo registrado no 92º Distrito Policial, do Parque Santo Antonio. As crianças serão levadas para o Conselho Tutelar.

Tudo o que sabemos sobre:
Crime, Jardim Angêla

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.