Mulher é presa com 1,5 quilo de cocaína na calcinha

Investigadores da 4ª Dise do Departamento de Investigações sobre Narcóticos (Denarc) prenderam em flagrante, ontem à noite, a doméstica carioca Valéria Luiza dos Santos Silva, de 27 anos, com 1,5 quilo de cocaína, no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos. Segundo a polícia, a droga estava enrolada em um esparadrapo e escondida no enchimento da calcinha. Valéria estava embarcando para Cape Town, na África do Sul, quando foi abordada pelos investigadores. De acordo com o Denarc, a doméstica, moradora em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, chegou em São Paulo na semana passada e ficou hospedada em um hotel na capital paulista. Ela seguiu de táxi até o aeroporto. Os policiais do Denarc, com a informação sobre o esquema de tráfico, pediram que o nome dela fosse censurado no check-in. Levada ao fraldário, foi detectado um volume maior nas nádegas da suspeita.Valéria, que está desempregada e grávida de seis meses, disse que foi convencida a participar do esquema de tráfico internacional por um nigeriano, durante encontro em um bar da Barra do Tijuca, no Rio de Janeiro. Em dezembro, ela esteve na África e fic ou uma semana em Cape Town para conhecer a cidade. O traficante se encarregou de preparar a calcinha de Valéria.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.