Mulher é presa levando crack para a Espanha

A espanhola Yolanda Munoz Gomes, de 21 anos, foi presa na tarde de ontem, com dois quilos de pedras de crack, pelos policiais do Denarc (Departamento de Investigações Sobre Narcóticos), quando tentava embarcar para a Espanha, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, na Grande São Paulo. A droga seria levada para Bilbao, na Espanha. Segundo o Denarc, a espanhola desembarcou na manhã de ontem no aeroporto internacional, vinda de Lima, no Peru, fazendo conexão em São Paulo, para seguir a Bilbao. O crack estava embalado, em forma de tijolo, no fundo de uma mochila de alpinista, carregada pela acusada. Segundo as investigações, a mulher ganharia entre 5 e 6 mil euros para servir de "mula", traficantes que carregam drogas mediante recompensa em dinheiro.

Agencia Estado,

16 Fevereiro 2006 | 09h13

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.