Mulher é resgatada de cativeiro familiar com 30 quilos

Uma mulher de 42 anos era mantida em cativeiro em condições insalubres pela própria família, em Caxias do Sul, na serra gaúcha. O caso foi descoberto na noite de quarta-feira, após denúncias feitas por vizinhos. Os policiais encontraram Eva Jocelaine dos Santos, de 42 anos, trancada em uma peça de um metro por um metro e meio, anexa aos fundos de uma casa de madeira numa área invadida do bairro Glória. Ela estava seminua, pesava apenas 30 quilos e não conseguia caminhar e nem falar.Socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Emergência (Samu), Eva foi levada a um hospital, onde deve ficar por pelo menos 30 dias para reverter o grave quadro de desnutrição e desidratação. Os médicos não informaram se já diagnosticaram alguma doença. Uma irmã disse que mantinha Eva em cativeiro porque ela sofre de problemas mentais.A família poderá responder por crime de maus-tratos. Vizinhos disseram que Eva vivia reclusa há cerca de dois anos, era obrigada a fazer suas necessidades fisiológicas dentro da peça e freqüentemente passava as noites frias gemendo e gritando.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.