Mulher é torturada durante seis horas em Belo Horizonte

Nayara Roberta Martins dos Santos, de 20 anos, foi amarrada e amordaçada por duas pessoas, ficando nesta situação por cerca de seis horas neste domingo, 21, em Belo Horizonte, segundo informações da Polícia Militar. Os dois suspeitos, um de 21 anos e um menor, foram presos.

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

22 de fevereiro de 2010 | 12h52

 

Ela foi encontrada por policiais militares que faziam patrulhamento na Rua A, no bairro Conjunto Felicidade, após ouvirem gritos da mulher, por volta das 15 horas. A vítima afirmou aos policiais que foi rendida quando saía de casa por volta de 8h e foi levada para um imóvel localizado no mesmo bairro, onde foi torturada.

 

Segundo depoimento de Nayara, os dois homens queriam que ela informasse o paradeiro de um traficante que teria matado um comparsa da dupla, na última sexta-feira, 19. Ela diz não conhecer o traficante.

 

Foram detidos Diego Pereira, de 21 anos, e um menor, André Luís da Silva, de 17 anos. Ela foi levada com escoriações pelo corpo para o hospital Risoleta Neves.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.