Mulher morre eletrocutada após temporal em Belo Horizonte

Partido durante chuva, fio da rede elétrica que estava caído no chão; ventos atingiram 77 quilômetros por hora

Eduardo Kattah, de O Estado de S. Paulo,

15 de dezembro de 2009 | 14h40

Uma mulher de 54 anos morreu eletrocutada na noite de segunda-feira, 14, ao pisar em um fio da rede elétrica que estava caído no chão, no bairro Goiânia, região nordeste de Belo Horizonte. Moradores disseram que o fio estava partido desde a tarde, quando um temporal atingiu a capital mineira. O acidente ocorreu por volta das 20h. Uma equipe de resgate foi acionada, mas quando chegou ao local constatou que a vítima - Terezinha Teixeira de Souza - já estava morta.

 

O óbito não foi contabilizado pela Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec) no balanço divulgado ontem (15). A Cedec registra 11 mortes em decorrência das chuvas que atingem Minas Gerais desde outubro.

 

O temporal que atingiu Belo Horizonte durou cerca de duas horas e gerou pelo menos 42 ocorrências de quedas de árvores, pontos de alagamentos e interdição de vias públicas. Os ventos atingiram cerca de 77 quilômetros por hora.

Tudo o que sabemos sobre:
BHchuvas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.