Mulher rouba recém-nascido dentro de maternidade

Um recém-nascido com apenas 18 horas de vida foi roubado nesta sexta-feira de um dos quartos da maternidade do Hospital Nossa Senhora da Piedade, em Lençóis Paulista, a 40 quilômetros de Bauru, 343 quilômetros a noroeste de São Paulo.A mãe, Maria Aparecida Francisco, dormiu por volta de 2 horas, e, uma hora depois, ao acordar, notou a falta da criança, mobilizando inicialmente o pessoal do próprio hospital e depois a polícia.Por volta das 2 horas da tarde, depois de receber informações sobre a presença, durante a noite, nas proximidades do hospital, de uma mulher que trajava roupa preta e sabia-se ter a mania de anunciar falsamente a gravidez, a polícia chegou à casa onde a criança se encontrava, na Vila Éden, distante aproximadamente um quilômetro do hospital.A acusada de ter retirado a criança do quarto do hospital é R. M., de 20 anos, que foi detida a encaminhada para exames psiquiátricos, já que seus familiares informaram sobre as ocorrências de "gravidez psicológica".O delegado Luiz Cláudio Massa disse que só depois de conhecer os laudos sobre a condição de saúde da mulher é que deverá decidir como encaminhar o inquérito. Se provada sua sanidade mental, ela responderá por crime de subtração de incapaz. Logo depois de desvendado o acontecimento, a criança foi devolvida à mãe e ao pai, José Antonio de Andrade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.