Mulheres de PMs acampam diante do Palácio Iguaçu

Cerca de 20 mulheres de policiais militares do Paraná estavam dispostas a acampar na noite desta segunda-feira em frente à porta principal do Palácio Iguaçu, sede do governo do Estado, reivindicando reajuste salarial e melhores condições de trabalho para seus maridos.O secretário da Administração, Ricardo Smijtink, disse que a manifestação era "extemporânea". "O comando da PM nunca deixou de atendê-las e elas sabem da situação do Estado", afirmou.Segundo ele, desde janeiro de 95 os funcionários públicos tiveram aumento médio de 129% no Estado. As mulheres vinham prometendo desde a semana passada que fariam manifestações-surpresa para pressionar o governo estadual.Nesta segunda, chegaram ao palácio por volta das 16h30 e entraram sem problemas pelos portões da grade que isola a sede do governo. Pretendiam invadir o Palácio Iguaçu, mas as portas foram fechadas pelos seguranças. Por isso, passaram a fazer barulho, batendo em panelas, e depois arrumaram o local para passar a noite."Nossa maior indignação é que apenas os policiais militares que fazem guarda externa receberam gratificação de R$ 100,00", reclamou Lúcia Sobral, presidente da Associação de Mulheres de Policiais Militares do Paraná. Elas pedem reposição de cerca de 50% nos salários e melhores condições de trabalho.No ano passado, elas fecharam as portas dos principais quartéis do Estado por dez dias e foram tiradas pela Tropa de Choque da PM sem conseguir nada do que pediam. O secretário da Administração disse que o governo está atento às distorções existentes na categoria, apesar de não concordar que a defasagem seja de 50%.Segundo ele, quando a arrecadação permitir que as distorções sejam corrigidas sem que se fira a Lei de Responsabilidade Fiscal, isso será feito. As mulheres fizeram a manifestação em razão de ser esta segunda-feira o último prazo para reajustes salariais de natureza geral, segundo a lei eleitoral.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.