Mulheres se envolvem em apenas 11% dos acidentes de trânsito

Do 1,7 milhão de motoristas que sofreram acidente, 71% era homens; número de mulheres que dirigem aumentou

Gustavo Uribe, Agência Estado

06 de março de 2009 | 18h11

Alvo de brincadeiras machistas por parte dos homens, as brasileiras têm agora um bom argumento para provar que dirigem bem e são cuidadosas no trânsito. Pesquisa organizada pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) mostra que só 11% dos acidentes de trânsito registrados no País entre 2004 e 2007 envolveram motoristas mulheres.

 

Veja também:

linkMulher sem marido e com filhos é a mais vulnerável no mercado

linkBrasil tem piores índices de participação feminina no Legislativo

linkLúcia Stumpf é primeira presidente mulher da UNE em 15 anos

blog Blog do trânsito: saiba como está a situação e programe-se

Como o trânsito parou SP e números da frota 

Dossiê Estado: os números do trânsito em SP  

tabelaAcompanhe a situação do trânsito rua-a-rua  

 

Do 1,7 milhão de motoristas que se envolveram em 1,5 milhão de acidentes com vítimas nesse período, 71% eram homens e 18% não tiveram o sexo informado, pois muitos motoristas fogem após uma colisão ou atropelamento.

 

A pesquisa ainda aponta que, dos 45,1 milhões de motoristas registrados no País até 2008, 14,8 milhões eram do sexo feminino, ou seja, as mulheres representam 33% do total. Esse número representa um crescimento de 44% em relação a 2004, quando havia 10,3 milhões de mulheres habilitadas no País.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.