Músico morre ao cair do 3º andar de um prédio

O músico Enã Souza Mota, de 25 anos, do grupo baiano Mambolada morreu ontem ao cair da janela de seu apartamento, no terceiro andar do Edifício Centauro, no Bairro da Pituba. Ele estava em companhia de dois desconhecidos e a polícia ainda não sabe se ele caiu ou foi jogado pelos homens, que fugiram em seguida.Aparentemente Mota conhecia os dois homens, pois eles interfonaram para o apartamento e obtiveram a permissão para subir. Testemunhas contaram que um terceiro elemento que chegou em companhia da dupla ficou embaixo do prédio esperando. Um colega de Mota estava falando com ele pouco antes do episódio. Disse na polícia que a vítima estava aguardando possíveis compradores de um teclado que queria vender. Num primeiro exame feito pelos policiais no apartamento de Mota, nenhum objeto foi roubado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.