Na Bahia, dois candidatos de Lula duelam na TV

A campanha ao governo da Bahia prometia apresentar dois candidatos - o governador Jaques Wagner (PT), candidato à reeleição, e o ex-ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima (PMDB) - tentando atrelar suas imagens à do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Grandes painéis mostram fotos de Lula nos comitês de campanha e os discursos dos dois citam o presidente com frequência.

Tiago Décimo / SALVADOR, O Estado de S.Paulo

26 de agosto de 2010 | 00h00

Wagner, líder nas pesquisas eleitorais no Estado, porém, não deu chance ao adversário, terceiro nos levantamentos, atrás do ex-governador Paulo Souto (DEM). Já no primeiro dia de propaganda política na TV, a campanha petista lançou mão de um longo depoimento de Lula em favor do governador.

A Geddel restou apresentar trechos de discursos gravados de Lula e partir para o ataque contra Wagner. Em trecho do programa do PMDB, a apresentadora diz: "A Bahia tem sorte de ter dois candidatos da base aliada de Lula, que apoiam a candidatura de Dilma. Um deles trabalha com rapidez e eficiência, enquanto o outro...".

Amanhã, Lula fará um comício na Praça Castro Alves, em Salvador, ao lado de Wagner e Dilma. A equipe de Geddel anuncia a vinda da presidenciável para um comício em setembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.