Na média das três pesquisas, petista tem 54% dos votos válidos

Índice é suficiente para Dilma definir a disputa no primeiro turno, mas há fatores que podem tornar eleição mais apertada

, O Estado de S.Paulo

30 Setembro 2010 | 00h00

Na média das três pesquisas concluídas nesta semana, Dilma Rousseff (PT) tem 54% dos votos válidos, o que indica vitória ainda no primeiro turno. O cálculo leva em contas as pesquisas Ibope e Sensus (ambas deram 55% dos válidos para a petista) e a do Datafolha divulgada anteontem, que deu 51% dos válidos para Dilma.

Na média dos três institutos, Dilma tem 48% do total de votos, José Serra (PSDB) tem 27% e Marina Silva (PV) chega a 13%. Considerada a margem de erro de dois pontos porcentuais, Dilma teria entre 52% e 56% dos votos válidos. Isso deveria ser suficiente para definir a disputa no primeiro turno, mas há outros fatores que podem tornar a eleição mais apertada.

Tradicionalmente, o candidato que lidera as pesquisas é mais prejudicado pela abstenção e pelo erro do eleitor na hora de votar. Se o Supremo Tribunal Federal não se manifestar, haverá um terceiro fator de impacto desconhecido: a necessidade de o eleitor apresentar o título de eleitor e outro documento com foto para poder ir à urna. Esses três fatores juntos criam o que se poderia chamar de "zona de confusão", que se soma à margem de erro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.