Na mira do PMDB, rival de Sarney ganha Embratur

O ex-deputado Flávio Dino (PC do B-MA) tomou posse ontem na presidência do Instituto Brasileiro do Turismo (Embratur) sob vigilância de três ministros do PMDB - Pedro Novais (Turismo), Nelson Jobim (Defesa) e Moreira Franco (Assuntos Estratégicos) -, além do líder do partido, Henrique Eduardo Alves (RN). Dino é ferrenho adversário da família Sarney, patrocinadora da nomeação de Novais. A presença dos ministros e do líder do PMDB na cerimônia foi vista como uma forma de demarcação de terreno.

João Domingos, O Estado de S.Paulo

30 de junho de 2011 | 00h00

Apesar das divergências políticas, Dino e Novais enfocaram seus discursos no crescimento do setor, principalmente por causa da Copa e da Olimpíada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.