Na última aparição gratuita, Serra pede voto ao telespectador

Até ontem, marqueteiros da campanha tucana estudavam possibilidade de encerrar o programa em ritmo de samba

Julia Duailibi / SÃO PAULO, Ana Paula Scinocca / BRASÍLIA, O Estado de S.Paulo

30 de setembro de 2010 | 00h00

Na tentativa de conseguir um lugar no segundo turno da eleição presidencial, o candidato do PSDB, José Serra, fará um chamado ao eleitor em seu último programa na TV, que será exibido hoje. O tucano gravou um pronunciamento falando direto ao telespectador. Nele, comenta sobre a campanha, pede voto e diz acreditar que a eleição se definirá em duas etapas. Termina com a frase: "Até domingo."

Os marqueteiros de Serra também estudavam ontem encerrar o programa ao som de um animado samba. A campanha detém os direitos de Brasil Pandeiro, composição de Assis Valente, da década de 40, que faz elogios ao brasileiro. Ao ritmo do samba, queriam imprimir uma mensagem otimista e animada. A decisão ainda não estava tomada, uma vez que o filme seria montado e finalizado entre ontem e hoje.

Desde ontem, porém, já era certo que o programa será dividido em quatro partes principais. A primeira delas mostrará a biografia de Serra, receita que foi usada durante todo o programa eleitoral na TV com o objetivo de contrapor a trajetória administrativa do tucano à da adversária Dilma Rousseff (PT).

As imagens mostrarão Serra como ministro do Planejamento, ministro da Saúde, prefeito e governador de São Paulo. Também está previsto um clipe com a família, mostrando imagens dele com os filhos, com a mulher e com os netos. O segundo clipe será o de imagens do Brasil e de brasileiros por todo País ao som de Brasil Pandeiro.

Debate. No confronto da Rede Globo, hoje, no Rio, a campanha tucana pretende manter a mesma estratégia do debate anterior, na Rede Record. A avaliação foi de que Serra se saiu muito bem ao manter um tom propositivo e não atacar Dilma, diferentemente do que havia feito na RedeTV!. Os grupos de eleitores monitorados pela campanha mostram que cai a avaliação positiva de Serra toda vez que ele é agressivo em relação à rival.

A equipe de Serra considera que o debate desta noite tem chances de ser o propositivo de todos. São cerca de 20 temas que podem vir a ser explorados, dependendo de sorteio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.