''Não é justo que a sociedade pague por terras da União''

Raul Silva Telles: Para o advogado da ONG, proposta é uma solução ruim.

, O Estadao de S.Paulo

20 de março de 2010 | 00h00

Os defensores da proposta afirmam que a lei atual restringe direitos dos proprietários na Justiça. Concorda com isso?

Não. Hoje eles contestam até terras homologados pelo presidente da República. Recentemente, o ministro Gilmar Mendes, do STF, concedeu liminares a proprietários que contestavam homologações.

E sobre as indenizações?

A proposta é uma solução ruim para a sociedade. Em vários casos, as terras estão em mãos de grileiros, com títulos fraudados. São terras públicas ocupadas ilegalmente e não é justo que a sociedade pague para reaver o que já é da União.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.