Não faltou geração de energia nem linha, diz Lula sobre apagão

Presidente espera reunião para falar em causas e destaca investimentos; 'não quero culpar antecipadamente'

estadao.com.br,

11 Novembro 2009 | 14h44

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva descartou nesta quarta-feira, 11, problemas de infraestrutura como causa para o apagão que atingiu 18 Estados brasileiros na terça. Ele afirmou que espera uma reunião nesta tarde para saber o que aconteceu, mas destacou que "não faltou geração de energia e o problema não foi de interligação". "O que fizemos nesses últimos 7 anos (no sistema energético) equivale ao que foi feito em 123 anos", frisou. 

 

Veja também:

linkPaulo Bernardo nega relação entre apagão e mau tempo

forum Metrópole quer saber: o que você fazia na hora do apagão?

lista Conheça o histórico dos grandes apagões brasileiros

mais imagens Imagens do blecaute que atingiu o Brasil

som Procon explica como proceder em caso de prejuízos

especialLeia a cobertura completa sobre o blecaute

 

Lula afirmou ainda que foram feitos vários investimentos na modernização do sistema, e que é importante que "não se faça tese" e se dê informação correta. "Não quero culpar ninguém antecipadamente", continuou o presidente. Lula, o ministro de Minas e Energias, Edison Lobão, o diretor-geral da usina hidrelétrica de Itaipu, Jorge Samek e empresas responsáveis se encontrarão nesta quarta para discutir o incidente.

 

"O que aconteceu em 2001 era que a gente não produzia energia suficiente. A gente ainda não tinha linha de transmissão para interligar todo o sistema elétrico. Hoje nós estamos com o sistema elétrico todo interligado", acrescentou o presidente, ao lado do chefe de Estado israelense, Shimon Peres, em Brasília.

 

Até agora, o posicionamento do Ministério de Minas e Energia é de que a queda de três linhas de transmissão que transportam energia da hidrelétrica de Itaipu provocaram o blecaute. Pelo Twitter, a usina já havia informado que desconfiava que problemas de transmissão entre Paraná e São Paulo poderiam ter causado o apagão.

 

 

Itaipu não registrou nenhum tipo de pane em suas instalações. Ainda no Twitter, a hidrelétrica afirma que a atribuição de Itaipu é gerar energia e a transmissão é responsabilidade de Furnas, que dispõe de subestação em Foz do Iguaçu perto da usina.

 

Furnas, por sua vez, informou em nota que suas linhas de transmissão que ligam a Usina de Itaipu ao Sistema Interligado Nacional (SIN) não tiveram nenhum dano e que estão operando normalmente. A nota de empresa diz que "não foi identificado qualquer dano nos seus circuitos e torres de transmissão" e que o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) está apurando as causas do blecaute.

 

Mais conteúdo sobre:
apagao2009

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.