Não vou amplificar a estratégia do PT, diz Serra sobre sanguessugas

O candidato do PSDB ao governo de São Paulo, José Serra, disse nesta quarta-feira que está fazendo campanha para ganhar a eleição e não para comentar a estratégia adotada por dirigentes petistas, que estão pedindo à CPI dos Sanguessugas a investigação de sua gestão no Ministério da Saúde (de março de 1998 a fevereiro de 2002, no segundo mandato do presidente Fernando Henrique Cardoso). "Não vou comentar e amplificar a estratégia do PT. Estamos aí para ganhar a eleição", disse, durante campanha na zona sul da capital paulista.Na avaliação de Serra, o importante agora é fazer um bom trabalho e apresentar propostas para o Estado de São Paulo. "Todo mundo conhece minha experiência na vida pública", reiterou.Serra visitou no início da tarde desta quarta-feira os bairros de Santa Terezinha e de Vila Joaniza, em Cidade Ademar, na Capital. O tucano comentou o resultado da mais recente pesquisa Ibope, dizendo que ela confirma a tendência apontada em outras pesquisas. "É positivo (o resultado), mas repito que pesquisa não ganha eleição e vamos ter que trabalhar."Serra prometeu para a comunidade da Vila Terezinha que, se chegar ao Palácio dos Bandeirantes, irá construir uma escola técnica, sete campos de futebol e estações elevatórias da Sabesp. "Vamos fazer isso logo de cara".No segundo evento, realizado em Vila Joaniza, Serra percorreu as ruas do bairro acompanhado por correligionários, entre eles o vice em sua chapa, deputado federal Alberto Goldman (SP).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.