Niemeyer segue internado no Rio de Janeiro

Arquiteto está lúcido, recebe visitas e respira normalmente, diz assessoria do hospital

Gheisa Lessa,

20 Outubro 2012 | 14h45

SÃO PAULO - Após uma semana internado, o arquiteto Oscar Niemeyer, de 104 anos, continua no Hospital Samaritano, na zona sul do Rio, e apresenta quadro estável. Ele foi levado à unidade de saúde no último sábado, 13, com desidratação. O hospital informou neste sábado, 20, que Niemeyer respira sem ajuda de aparelhos, conversa e recebe visita de familiares normalmente.

O boletim médico divulgado na sexta, 19, confirmou que Niemeyer permanece em observação durante este final de semana. Um novo laudo será divulgado na próxima segunda, 22.

O arquiteto está lúcido, se alimenta bem e conversa, de acordo com a assessoria de imprensa do hospital. Respirando sem ajuda de aparelhos, Niemeyer é medicado somente com soro para combater o estado de desidratação. Apenas familiares estão autorizados a visitá-lo.

Em maio deste ano o arquiteto passou 16 dias internado no Samaritano por conta de uma pneumonia e desidratação.

Premiado internacionalmente com o Pritzker, em 1988, Niemeyer é o projetista dos edifícios de Brasília, do edifício Copan, no centro de São Paulo, e idealizador da sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York. Em dezembro, o arquiteto completa 105 anos de idade.

Mais conteúdo sobre:
Oscar Niemeyer

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.