Nível da água em bairro alagado no norte fluminense começa a baixar

Comunidade de Três Vendas foi alagada após o rompimento do dique da BR-356 na quinta-feira, 5

Priscila Trindade, do estadão.com.br,

07 Janeiro 2012 | 11h37

SÃO PAULO - O nível das águas do Rio Muriaé, que invadiu a comunidade de Três Vendas, em Campos de Goytacazes, no norte fluminense, começou a baixar.

Segundo a prefeitura, a área alagada após o rompimento do dique da BR-356 amanheceu este sábado, 7, com 20 centímetros a menos de água.

A expectativa para o restante do dia é que o nível continue baixando.

O dique da BR-356 se rompeu na quinta-feira, 5, abrindo uma cratera de cerca de 20 metros na estrada.  Mais de mil pessoas foram retiradas de suas residências e estão em casas de parentes ou nos dois abrigos montados na Escola Municipal Albertina Venâncio e no Ciep Luiz Carlos de Lacerda ambos em Travessão. Alguns moradores se recusam a sair da região com medo de que suas casas sejam saqueadas.

A água chegou a atingir dois metros de altura, mas ninguém se feriu. Segundo a Defesa Civil, o escoamento da água deve demorar 30 dias. Não há prazo para liberação da estrada.

O texto foi atualizado às 11h50.

Mais conteúdo sobre:
água Três Vendas Campos de Goytacazes

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.