Nível de rios atingidos pelas chuvas continua alto no Rio

Bairros continuam isolados nas cidades de Tanguá, Itaboraí e Rio Bonito, depois das chuvas de quarta-feira

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

22 de janeiro de 2009 | 12h08

O nível dos rios que cortam os municípios de Tanguá, Itaboraí e Rio Bonito, no Rio, continuam acima do normal e diversos bairros nestas cidades continuavam inundados, nesta quinta-feira, 22, segundo levantamento da Defesa Civil do Rio de Janeiro.   Veja também: Rio deve ter mais chuva nesta 5ª; cidade continua em atenção A situação do trânsito no Rio  Todas as notícias sobre vítimas das chuvas     O levantamento mostra ainda que Tanguá conta com 350 desalojados. Já em Itaboraí, são 138 desalojados. Em Jacarepaguá, os bombeiros retiraram moradores de um prédio de cinco andares, na comunidade Rio das Pedras, que ameaça desabar depois das fortes chuvas que atingiram a cidade.   Na Ilha do Governador, um prédio de três pavimentos desabou, mas não houve feridos, pois as pessoas foram retiradas antes do evento. Em Mangueira, ocorreram vários deslizamentos, um deles na escola da Faetec, porém sem feridos. Também na quarta, em Duque de Caxias, duas casas desabaram no Bairro Centenário, deixando uma pessoa ferida.   Entre o dia 1º de janeiro esta quinta-feira, 22, foram registrados no Estado um total de sete óbitos em função das chuvas. O número de desalojados no Estado está em torno de 1.840. Já o total de desabrigados está em torno de 204, mas os números podem mudar até o final do dia, já que continua chovendo em vários pontos do Estado e os municípios ainda não conseguiram acabar de contabilizar o total de pessoas atingidas pelas cheias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.