No Acre, PF prende oito acusados de tráfico de drogas

Agentes da PF cumprem 11 mandados de prisão e buscam traficantes que agiam em vários Estados do País

Solange Spigliatti, Central de Notícias,

18 Agosto 2009 | 09h59

Oito pessoas foram presas na manhã desta terça-feira, 18, acusadas de pertencer a uma quadrilha organizada especializada no tráfico de drogas. O grupo era chefiado no Acre, mas também tinha ramificações em outros Estados, segundo a PF.

 

As prisões fazem parte da Operação Central, da Polícia Federal, que foi deflagrada nesta madrugada, cumprindo 11 mandados de prisão e 10 de busca e apreensão.

 

Dos 21 mandados expedidos, 5 foram cumpridos no Estado de Rondônia, nas cidades de Cojubim, Ji-Paraná e Guajará-Mirim. Um dos mandados foi cumprido em Brasileia, no Acre. Segundo a PF, dos 11 mandados de prisão, oito foram cumpridos, um já estava detido e dois ainda não foram capturados.

 

A operação recebeu esta denominação pois todas as negociações da quadrilha se davam no Estacionamento Central, localizado na Avenida Epaminondas Jácome, no centro de Rio Branco. O dono do estacionamento também foi preso.

 

O trabalho de investigação foi resultado do desdobramento da prisão de um membro do grupo na noite do dia 10 de março deste ano. O veículo que fazia o transporte de 50 kg de cocaína conseguiu romper várias barreiras policiais.

 

Perseguido pelos policiais e, para tentar se evadir de nova abordagem, o acusado indentificado como S.S.S., de 29 anos, saiu da via com o carro e caiu num açude. O suspeito fugiu a pé em direção a um matagal nas imediações, sendo preso horas depois já na cidade de Rio Branco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.