No Rio, duas mulheres são baleadas em Cidade de Deus

Duas mulheres foram baleadas na Favela Cidade de Deus, na zona oeste, na manhã desta segunda-feira, 12. Aparecida Gonçalves de Oliveira, de 32 anos, foi alvejada na mão esquerda e Cristiane Arcoverde Barbosa, de 19, levou um tiro em cada coxa. Elas foram atendidas no Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, zona oeste da cidade. A polícia investiga se elas foram vítimas de bala perdida ou se foram feridas numa espécie de acerto de contas. "Não houve operação policial na favela hoje. Elas disseram para nossos policiais que um homem manuseava as armas e os disparos não foram intencionais. Está a cargo da 32.ª Delegacia de Polícia (Taquara) esclarecer o caso", afirmou o tenente-coronel César Lima, comandante do Batalhão.Na sexta-feira, a doméstica Vanessa Calixto, de 24 anos, foi atingida por bala perdida na Cidade de Deus, num confronto entre policiais e traficantes. Ela morreu no fim de semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.